segunda-feira, 30 de agosto de 2010

QUEREM EXPERIMENTAR UMA DOSE DE POSITIVISMO ACÉFALO?

É fácil: fazer o favor de ir falar com a máquina e tentar candidatar-se a uma bolsa de doutoramento. Como?, papeis, pessoas, interacção? Claro que não. Faça o favor de resumir em mil palavras o desconhecimento a que se propõe atirar. Abra a carta lacrada de recomendação, leia-a e digitalize-a. Então, desculpe minha senhora, mas não há forma pessoal de tratar destas matérias, algum contacto, entrevista, interacção directa ou algo assim? Não. Sobra a noção de que quando a máquina se avariar não restará nada. Felizmente.

1 comentário:

Anónimo disse...

Exacto...welcome to the crazy world of science. :-)
Becas