domingo, 26 de setembro de 2010

ENTENDIMENTO

A verdade residirá algures entre aquilo que quem fala pensa querer dizer e aquilo que quem ouve julga perceber. Verdadeira comunicação será, portanto, mesmo que feita de coração e mente aberta, algo muito difícil - se não impossível -  de se alcançar: o Outro nunca sou Eu. Verdadeira empatia? Entendimento supremo? Talvez num orgasmo simultâneo; o amor, portanto.

Sem comentários: